O Mistério da Terceira Pessoa da Santíssima Trindade, não deve constituir um preocupante desafio somente para aguçar a curiosidade das pessoas, instigando um sentimento de descoberta, estimulando uma busca frenética de conhecimento e informações, para delinear um esboço mais amplo e profundo sobre a realidade do ESPÍRITO. Esta dimensão pode também ser desejada, é natural, mas primordialmente a procura deve ser realizada como maneira de demonstrar afeto e amor ao PARÁCLITO CONSOLADOR. Na verdade, o véu misterioso que encobre o ESPÍRITO DO SENHOR, deve convidar-nos a uma reflexão maior e mais profunda sobre a nossa própria vida, suscitando a necessidade de imprimirmos mais santidade nas ações, empreendendo um processo de efetiva conversão do coração, a fim de criarmos um ambiente propício para dilatarmos uma sincera devoção ao ESPÍRITO DE DEUS, a fim de que ELE encontre em cada pessoa um terreno adequado e possa operar com liberdade, e dessa forma, possa ser compreendido e admirado pelo valor incomensurável de suas Obras, pela Efusão dos Carismas que graciosamente derrama sobre toda humanidade e pelo impressionante brilho de Sua Divina Luz, que guia, ilumina, protege, vivifica e santifica, todos aqueles que buscam o seu inestimável e precioso auxílio.

Em dezenas de manifestações sobrenaturais, o SENHOR convida-nos a penetrarmos no mistério dos Sete Dons do ESPÍRITO, como caminho e busca de vida em plenitude, para a realização e concretização de todos os ideais, sobretudo, para orientar nossa diretriz existencial a fim de podermos alcançar a felicidade verdadeira.

Porque o ESPÍRITO CONSOLADOR é que preserva a alma da má disposição, dos escândalos e das fortes tentações demoníacas, conduzindo-a em santidade, ajudando-a crescer em graça e sabedoria, para que não seja arrastada pelos erros que se espalham perigosamente até na Igreja.

Por isso o SENHOR nos ensina que devemos pedir o "ESPÍRITO de Conhecimento ou de Ciência", para não sermos envolvidos pelas distorções que fazem da Palavra Divina, involuntariamente por ignorância ou propositalmente com algum objetivo maléfico, procurando ao contrário, o sentido correto e real que nos revela o DEUS UNO e TRINO.

Ensina-nos ainda, a suplicar o PARÁCLITO, pedindo-LHE que nos conceda o "ESPÍRITO de Sabedoria", para que ELE visite a nossa pobreza de espírito e com sua emanação Divina, conduza nossos passos unicamente para as coisas celestes, que são permanentes, santas e duradouras.

Implorar pelo "ESPÍRITO de Compreensão e Inteligência", para curar com seus raios fulgurantes a nossa nulidade, iluminando o conhecimento, fazendo com que as coisas que pareciam escuras e fora de alcance, sejam reveladas e descobertas, permitindo evoluir a nossa alma em direção a Verdade Divina.

Isto porque, o ESPÍRITO SANTO atendendo as nossas súplicas, iluminará os olhos da alma como um Amigo presente nas necessidades, dando-nos um rico espírito de percepção, para penetrarmos no pleno Mistério do CRIADOR, não nos escondendo nenhum segredo e proporcionando ensinamentos que nenhum espírito compreende, porque transcende a inteligência humana, entra no impenetrável e no imperecível, atingindo as profundezas de DEUS. E todas as coisas que pareciam inatingíveis ao nosso espírito, serão perfeitamente compreendidas sob a Divina Luz.

Recomenda o SENHOR que peçamos o "ESPÍRITO de Conselho" , que nos faz querer a integridade pessoal, a bondade e a lealdade, que nos permite combater e remover as raízes do mal: não humilhando ninguém e nem se mostrando superior aos demais; servindo sempre a causa do bem; aliviando os oprimidos e injustiçados; não praticando o mal por menor que seja e procurando ajudar uns aos outros mutuamente; respeitando, temendo e amando o CRIADOR.

Suplicar também, pedindo o "ESPÍRITO de Fortaleza", pois foi o SENHOR Mesmo quem disse que este Dom não seria dado somente aos Anjos. Porque ele torna apta as pessoas a fim de que possam pregar a Palavra Divina com autoridade e santidade, da mesma maneira que praticar a Tradição da Igreja com fidelidade, dar testemunho da Verdade com zelo e coragem, além de infundir forças e perseverança para que sejam vencidos todos os obstáculos que queiram impedir a trajetória que nos conduz a DEUS.

Pedir também o "ESPÍRITO de Piedade", que nos ensina o conhecimento das coisas santas e nos faz entender que a piedade é mais forte na submissão, na humildade e na renúncia, porque transforma as pessoas na direção do modelo Divino, tornando-as mais puras, simples, semelhantes a lírios brancos, robustos e perfumados, no jardim do SENHOR.

E como derradeira súplica, implorar ao DIVINO ESPÍRITO o "ESPÍRITO de Temor", que nos ensina a guardar, honrar e respeitar o Santo Nome de DEUS, aprendendo a inclinar profundamente a nossa cabeça, para que ELE seja visto; abaixar o volume e a impetuosidade da nossa voz, para que seja ouvida a Voz DELE, sobretudo para podermos descobrir as Divinas Intenções, os Desejos e a Suprema Vontade do CRIADOR; e então, somente elevando a nossa voz em louvor e honra da gloriosa Presença do SENHOR e aprendendo a levantar a nossa cabeça, senão para procura-LO e para procurar "enxergar" todas as coisas do Céu ... O "ESPÍRITO de Temor" atua no interior das pessoas, fazendo-as compreender o quanto a submissão seduz ao SENHOR, e por "severa"que ela possa parecer, é a "abertura" pela qual ELE entra no coração dos fiéis, induzindo-os a obedecer a Vontade de DEUS.

Por certo, o CRIADOR receberá nossa submissão de santo temor, como se recebesse uma perfumada e maravilhosa coroa de flores, e ELE, o DEUS TRINITÁRIO Todo Poderoso, agradecido pelo esforço desprendido pelos seus filhos, paternalmente mostrará a grandeza de seu amor infinito, revestindo os fieis com uma invencível santidade, de maneira que algum traço de "anarquia" ou "comodidade" que ainda possam existir nas pessoas, sejam eliminados e dissipados, desaparecendo definitivamente como o orvalho da manhã que se esvai com a chegada do Sol.

Com os poderes do ESPÍRITO SANTO, as pessoas serão como guerreiros audazes, destemidos e cheios de vigor, para combater o bom combate da fé e da justiça, que os associarão aos Arcanjos de DEUS, São Miguel, São Gabriel e São Rafael, na terrível batalha espiritual de todos os dias e do Final dos Tempos. Repletos de carismas, terão forças e disposição para perseverar diante dos obstáculos que surgirem, conduzindo com dignidade e respeito a cruz da existência e através dos sofrimentos de cada dia e da generosidade do coração, se tornarão merecidos parceiros no triunfo de NOSSO SENHOR JESUS CRISTO.

 

"HOMENAGEM AO ESPÍRITO DE DEUS"

 ESPÍRITO SANTO, no silêncio e na ternura de

seus movimentos derrame em meu coração a sabedoria,

discernimento, perseverança, fortaleza e o Amor de DEUS,

para incendiar a minha alma no caminho do direito, da justiça

e do amor fraterno, permitindo que as Divinas labaredas

harmonizem inteiramente a minha existência

e a Paz possa habitar em minha vida.

Se quer ouvir belas músicas sobre o ESPÍRITO SANTO clique na Nota Musical abaixo:

 

Espírito Enche A Minha Vida
Padre Marcelo

Eu Navegarei
Voz da Verdade

Espírito
Padre Marcelo

Eu Navegarei
A Vigília

Espírito Santo
Kleber Lucas

Derrama Teu Espírito
Aline & Jamile

 

 

Próxima Página

Página Anterior

Retorna ao Índice